TRANSTORNOS MENTAIS COMUNS E A REDE DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE (RAPS/SUS)

UMA REVISÃO INTEGRATIVA

Autores

  • Klecia Batista Faculdade Pio Décimo

Palavras-chave:

Sistema Único de Saúde, Política de saúde, Redes de Atenção, RAPS

Resumo

Introdução: a Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) é uma rede temática do Sistema Único de Saúde (SUS) que tem como foco a oferta de cuidado em saúde mental. O presente artigo se propõe a discutir a organização dos serviços que compõem essa rede, em torno dos chamados Transtornos Mentais Comuns (TMC), que são caracterizados pela presença de sintomas difusos de adoecimento psíquico sem que haja o fechamento de um diagnóstico formal. Método: trata-se de uma revisão integrativa de literatura, realizada entre os meses de fevereiro e julho de 2023, no site no Ministério da Saúde (MS). Para essa revisão, foram analisados documentos como leis e portarias do SUS, que tratam dos serviços que compõem a RAPS. Resultados: a pesquisa aponta que os serviços de atenção primária constituem o lugar privilegiado de cuidado em relação aos quadros de TMC, sem deixar de enfatizar a importância do trabalho em rede. Conclusão: constata-se a necessidade de discussão ampliada sobre as políticas públicas de atendimento aos usuários com TCM na RAPs.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2023-10-25

Como Citar

BATISTA, Klecia. TRANSTORNOS MENTAIS COMUNS E A REDE DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE (RAPS/SUS): UMA REVISÃO INTEGRATIVA. Revista Sergipana de Saúde Pública, [S. l.], v. 2, n. 2, p. 8–24, 2023. Disponível em: https://www.revistasergipanadesaudepublica.org/index.php/rssp/article/view/55. Acesso em: 26 fev. 2024.